sexta-feira, junho 18, 2021

Troféu Brasil: Lucas Carvalho e Tiffany Marinho vencem os 400 metros


O segundo dia de provas do Troféu Brasileiro de Atletismo, em São Paulo, foi especial para Tiffani Marinho e Lucas Carvalho, campeões nas provas dos 400 metros rasos, disputadas hoje (11) no Centro Olímpico de Treinamento e Pesquisa (COTP). A sexta-feira também foi dourada para Juliana De Menis Campos, no salto com vara;  Ketiley Batista, campeã nos 100 m com barreiras; Douglas Junior dos Reis, vencedor no lançamento de disco; e Jonathas Brito, primeiro colocado nos 110 m com barreiras. O Troféu Brasil segue até domingo (13) e todas as provas podem ser acompanhadas on-streaming (ao vivo).

Aos 21 anos, Tiffani, atleta de Campinas (SP), faturou o bicampeonato ao completar a prova em 52seg95, deixando para trás Tabata Vitorino de Carvalho (53seg41), que ficou como a prata, e  Maria Victoria Belo de Sena (53seg47), medalha de bronze.

“Fiz uma prova estratégica para vencer, mas todo mundo sabe que estou focada em 2021. Fiquei muito feliz com a medalha de ouro. Agora é treinar para que o ano que vem seja muito bom”, disse Tiffani ao site da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt).

Tiffrany Marinho vence 400m rasos, no Troféu Brasil - em 11/12/2020

Tiffrany Marinho fatura bicampeonato ao vencer a prova dos 400m rasos do Troféu Brasil – Wagner Carmo/CBAt/Direitos Reservados

“Era importante também somar pontos na corrida olímpica”, disse o técnico Evandro Lazari à equipe da CBAt. Ele explicou que o objetivo para a fase atual de treinamento era correr na casa dos 52 segundos, lembrando que em 2019 Tiffany venceu a prova com 51seg80. “Ela vai fazer provas da temporada indoor na Europa por pontos”, acrescentou o treinador.

Na prova masculina, Lucas Carvalho ganhou a disputa com o tempo de 45seg53. A  prata ficou com Anderson Henriques (45seg81) e João Henrique Falcão Cabral (46seg26 ) fechou o pódio 

“Melhorei minha marca do ano. Mas quero chegar na casa dos 44 segundos, pensando no índice olímpico individual. Se eu conseguir isso, a presença no revezamento 4×400 m misto será automática”, projetou Lucas Carvalho em entrevista à CBAt, referindo-se a nova prova do programa olímpico de Tóquio-2021. 

Juliana Campos é ouro no salto com vara, no Troféu Brasil, em 11/12/2020

Juliana Campos conquistou nesta sexta (11) a medalha de ouro no salto com vara, no Troféu Brasil de Atletismo – Wagner Carmo/CBAt/Direitos Reservados

O ouro nos 100m com barreiras ficou com Ketiley Batista, que terminou a prova em 13seg21, seguida de Micaela Rosa de Mello (13seg34) e Adelly Oliveira Santos (13.47), que faturam, respectivamente, prata e bronze..

Na prova masculina dos 110 metros com barreiras, Jonathas Brito levou a melhor: foi campeão com a marca de 13seg57.. Em segundo ficou Rafael Pereira (13seg64), seguido de Eduardo de Deus (13seg66).

A prova do salto com vara feminina teve como vencedora Juliana De Menis Campos , que alcançou 4,20 m. No lançamento do disco, Douglas Junior dos Reis conquistou o ouro ao conseguir a distância de 58 metros.



EBC

Related Posts

Next Post